Levanta e anda

Não é todo dia que acordamos inspirados para fazer tudo que precisa ser feito para chegar aonde queremos. A constância é o que nos leva do ponto A ao B, do B ao C e assim por diante, porém, na correria do dia a dia muitas vezes fica nebuloso vermos com esses olhos de longo prazo e se torna um pouco difícil manter essa periodicidade. As quedas, as pedras no caminho, as frustrações que elas trazem vão fazendo com que fiquemos desmotivados e quando percebemos deixamos para lá algo que tanto queríamos por não acontecer da forma como imaginávamos. A real é que se não tivermos o objetivo claro em nossas mentes e coração desistir em diversos momentos parece a única solução. Obviamente ela parece única, pois é mais fácil jogar a toalha do que ter que levantar depois da vigésima queda, desculpa a sinceridade, mas para mim, parece só que você não queria isso de verdade, não consigo conceber que podemos abdicar tão facilmente de um anseio verdadeiro de nossos corações. Não precisa acreditar em mim, é só pensar em exemplos próximos a você ou de pessoas que se tornaram extremamente conhecidas por sua determinação e obstinação em fazer aquilo que acreditavam acontecer. O que eu quero dizer nesse artigo de hoje é, se você deseja concretizar algo será necessário muito mais do que vontade, será preciso persistência e mais, anseio — da alma —, para o resultado aparecer.


Não sei se você reconhece o título desse artigo, pois é homônimo da música do rapper Emicida, bastante conhecido no cenário musical brasileiro. O trecho da canção que me inspirou para escrever esse texto diz o seguinte: “Irmão, você não percebeu, que você é o único representante do seu sonho na face da terra? Se isso não fizer você correr, chapa eu não sei o que vai…” O Leandro, nome de batismo dele, veio de uma família humilde, assim como uma grande parte da nossa população, e é aqui que eu quero destacar algo importante, e corroborar o citado acima de exemplos que nos provam aonde a persistência pode nos levar. Ele driblou as estatísticas, as diversas pedras no caminho (que não devem ter sido poucas), descrença e preconceito, mas por acreditar no seu sonho e obstinar ele chegou aonde almejava. Eu não conheço diversas músicas do Emicida, tão pouco hip hop é meu estilo favorito de música, mas tenho que lhe confessar que todos os dias eu começo minha manhã escutando essa música para que eu entenda que se eu não fizer por mim, nem que seja um pouco, todos os dias ninguém irá fazer. A preguiça sempre quer vencer, o procrastinar parece muito mais gostoso do que sentar na cadeira e ficar ali horas fazendo o inquestionavelmente necessário.


Mesmo quem trabalha com o que ama precisa lidar com partes monótonas, fazer o que gosta não é sinônimo de prazer sempre, não confunda. Partes chatas, quedas e até recomeços são necessários quando você está fazendo ajustes para a realização, a gente só descobre como caminhar caminhando. A mensagem não poderia ser mais clara do que o levanta e anda, vai, se mantenha em movimento, não pare. Não espere a vontade e o ânimo chegarem para começar a trabalhar e ir atrás, comece a se movimentar que a vontade vem. Tenha claro em sua mente ou até na sua frente, se você for mais visual o que você deseja realizar, isso lhe ajudará a buscar vontade e garra para manter a constância quando a preguiça pensar em chegar. Tenha claro que descansos são fundamentais, fazem parte do treinamento, mas nós somos adultos aqui e sabemos quando é necessário ou é só pretexto. Se nada disso te fez repensar tem algo que fará, o tempo, ele é soberano e quando você se der por conta anos se passaram e aqueles sonhos que aqueciam seu coração foram deixados para trás com a desculpa de que não era para ser ou que você não queria tanto assim.


Sonhos foram feitos para serem realizados, tirados do papel e da mente e tomarem forma. O que eu quero lhe dizer aqui, e não sei como ser mais clara do que o trecho da música é que o tempo está passando e você está deixando vários sonhos irem embora por entre os seus dedos esperando que algo diferente aconteça para lhe motivar. Pode responder o que você quiser do lado daí, listar todos os motivos mais elaborados para não estar correndo atrás agora do que quer, mas lhe pergunto, se não você, quem então fará isso, enquanto você vibra no medo e na dúvida? Eu não sei quais os desejos que você tem aí no seu coração, mas posso lhe afirmar que se eles são genuínos são totalmente merecedores de se tornarem realidade, mas eles não podem sozinhos, precisam de ação e essa cabe unicamente a você. Seja mais forte que sua maior desculpa, durma menos, faça o dobro, abdique de algumas coisas — não se pode vencer todas —, vá de novo, mas não desista. Isso tudo aqui que escrevo serve para mim também, não pense que acordo ou estou sempre motivada, são lembretes que me deixo aqui também enquanto batemos esse papo. Aproveite e deixe um para você o lembrar sempre a razão de ter começado e continue em frente!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *