O Arco-Íris

Autora: Jacqueline Mendes S. Echevarria, terapeuta holística e escritora

O arco-íris é um fenômeno natural que representa a aliança de Deus com toda a humanidade e com todos os seres vivos para que nunca mais aconteça a destruição da Terra por outro dilúvio. Quando aparece no céu em dias nublados ou chuvosos, é para que seja apreciado por alguns instantes, mas para que o compromisso firmado não seja esquecido.

Agora, imagine se todas as pessoas no mundo resolvessem idolatrar a cor amarela menosprezando as demais cores e para isso passariam a vestir roupas, calçados, acessórios, bem como usariam utensílios e objetos de decoração somente na cor amarela.

À primeira vista, seria uma atitude estranha, imaginável porque a vida sem cores, sem divergências, sem questionamentos, sem trocas, sem interferências no dia a dia seria monótona, confusa e até perigosa. Além do mais, como saberíamos o que é certo, errado, bom, ruim, já que todos seguiriam um padrão estipulado para manter a harmonia.

Também, cabe salientar que o fluxo natural das coisas depende de variantes, e uma delas é o próprio livre-arbítrio. Portanto, as escolhas advindas da vontade ou da necessidade permite ampliar horizontes, desbravar caminhos, fazer interações e criar várias parcerias. Por isso, perceber e respeitar as individualidades, entender melhor as desigualdades, colocar-se no lugar do outro, nos ajuda a derrubar barreiras fantasiosas e limitantes que impedem a construção de laços baseados no amor, na compaixão e na solidariedade. Todo o crescimento evolutivo não só depende de pensamentos e ações positivas, mas também das condições coerentes e transformadoras, capazes de gerar um mundo igualitário.

Os direitos e os deveres dos indivíduos estão garantidos pela Lei Maior dos homens, já o compromisso moral e ético em manifestar-se diante das diferenças cabe a cada um de nós. A aceitação e a tolerância vêm completar a lista dos atos nobres que favorece o desaparecimento do egoísmo e da soberba, garantindo o amor ao próximo e mantendo alta, forte e circulante a frequência energética da Terra.

No intuito de criar nova consciência, deve-se dar atenção ao que realmente importa, deixando de lado o julgamento e a condenação. Seja humilde em reconhecer que depende de você o controle das rédeas da vida e seja suficientemente inteligente na condução à direção certa. Então, siga o caminho do bem, pratique o bem, eleja o bem como fonte transformadora, assegurando que nada seja destruído, inclusive o mais belo arco-íris.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *